FANDOM


KayoSCPPerfil
Mas temos que dar duro em nosso trabalho!

Ainda estamos costurando este artigo e ele pode estar incompleto ou com informações duvidosas. Não se esqueça de retornar quando ele estiver pronto.

Sentimos muito por quaisquer problemas!
Levia Barisol
Leviaavatar
Informações Técnicas
Japonês レヴィア=バリーゾール
Romaji Revia Bariizooru
Outros Nomes Mestra do Inferno
Levia-Behemo
L (ID online)
Vocaloid

Kagamine Rin

Informações Biográficas
Classificação Terráqueo (até a morte)
Deus
Gênero Feminino
Cor dos Cabelos Loira
Cor dos Olhos Azuis
Afiliações Paraíso Celestial
"A Mestra do Submundo é minha irmã, Levia."
―Behemo[src]

Levia Barisol foi um dos quatro deuses no universo de Evillious. Após se opor à decisão do deus do sol em relação ao terceiro paraíso, foi selada dentro do Pecado e tramou a destruição do Terceiro Período junto com seu suposto irmão, Behemo. Foi adorada como um dos deuses da religião de Levin. Uma vez tendo escapado da arca séculos depois, Levia e Behemo reencarnaram no corpo de Elluka Chirclatia.

História Editar

Climb One Editar

"No final da discussão, o deus do sol transformou os deuses gêmeos que se recusavam à obedecer-lhe em um dragão de duas cabeças. Banidos de suas posições como deuses, o irado dragão, junto com seis familiares, tentaram destruir o terceiro paraíso que criaram"
―Trecho da Bíblia de Levin, Velho Testamento, Livro 1, Gênesis.[src]

Levia Barisol nasceu no Segundo Período, fruto de um caso entre Rahab Barisol e um de seus muitos amantes.[1]Com apenas seis anos de idade, ingressou em uma Universidade para estudar a mente[2] e tornou-se psiquiatra na clínica e instituto de pesquisa de Held Yggdra. Estudou anormalidades de comportamento, principalmente a Síndrome de HER.[3] Em seus estudos, a jovem pesquisadora chegou a conclusão de que a origem da "malícia" não provinha de seu mundo.[4] Em dado momento, Rahab ensinou à Levia a Técnica de Troca, uma técnica desenvolvida por Held.[5]

Quando o Segundo Período começou a cair devido à propagação desenfreada da Síndrome de HER, Levia foi um dos vários cientistas selecionados para embarcar no Climb One, um dos vários navios destinados a encontrar planetas habitáveis ​​para o repovoamento.[6] Sofrendo impulsos assassinos da malícia, Levia consultou com um físico, uma máscara viva, Seth Twiright, sobre como se curar. Com sua sugestão de matar o seu outro eu de uma realidade alternativa, Levia preparou-se para matar a versão masculina de si mesma, Behemo Barisol. Ela então percebeu que seu colega estava tentando levá-la a sucumbir à malícia cometendo um assassinato, a fim de tomar seu lugar no Climb One.[7]

Levia, em vez disso, resgatou Behemo de seu universo e os dois se tornaram colegas de trabalho nas instalações de Held.[8] Mais tarde, ela e Behemo escaparam no Climb One da destruição do mundo com outros 70 cientistas. Durante a viagem, Levia projetou uma variante "Tipo L" da Caixa Preta que poderia mover os dados espirituais de um corpo para o outro, embora apenas com o consenso de todos os membros da embarcação.[9] Como eles perderam o contato com todas as outras naves espaciais, a tripulação do Climb One percebeu que eles eram os últimos habitantes da Terra e decidiram criar uma nova espécie à imagem dos terráqueos, Levia foi encarregada de criar suas almas.

Depois de encontrar um novo planeta para habitar, eles começaram a construir o novo mundo e suas espécies habitantes. Enquanto isso, Seth, que tinha secretamente embarcado no Climb One, instigou a morte de 62 tripulantes e contaminou a nova espécie para ter a possibilidade de desenvolver a Síndrome de HER. Levia preservou os dados espirituais dos membros da tripulação mortos e Held, em luto, organizou para que eles reencarnassem como espíritos da floresta no novo mundo. A tripulação restante, incluindo Levia, propôs que reencarnassem como deuses no novo mundo para guiar os humanos, sem saberem que Levia era um HER.[10]

Levia, além disso, projetou o Submundo como um meio de classificar entre HERs e as boas almas.[11] Quando Held e o outro membro da tripulação, Hazuki, discordaram do plano, Levia juntou-se aos outros tentando matá-los para recuperar o consenso da tripulação e permitir que usassem a Caixa Preta Tipo L. Isso fez com que o Climb One caísse e matasse todos a bordo , deixando apenas seus dados espirituais para trás; embora Levia e Behemo planejassem fugir transferindo seus espíritos para o corpo de um dragão no navio, Held e Hazuki sabotaram o plano de antemão.

Levia e seus colegas permaneceram presos no Climb One por algum tempo enquanto as novas espécies de humanos começaram a construir suas sociedades.[12] Por volta dessa época, eles esqueceram a existência de um de seus colegas que se tornou a deusa da lua.[13] Eventualmente, os humanos de Levianta descobriram o Climb One, e ambos Levia e Behemo começaram a sussurrar para Alice Merry-Go-Round, estabelecendo-a como uma profetisa e eles mesmos como deuses, com um grandioso relato da criação do Terceiro Período. Os dois tornaram-se adorados na nova fé Levin e um templo foi construído ao redor do Climb One, renomeado como "Pecado".[14]

GaleriaEditar

ApariçõesEditar

Referências Editar

  1. Sete Pecados Capitais: A Ira de Nêmesis - 5
  2. Os Filhos de Barisol eram filhos únicos
  3. Sete Pecados Capitais: A Ira de Nêmesis - Prólogo
  4. Os Filhos de Barisol eram filhos únicos
  5. Sete Pecados Capitais: A Alfaiataria de Enbizaka - Capítulo 4
  6. Pecados Mortais: A Mira de Nêmesis - 7
  7. Os Filhos de Barisol Eram Filhos Únicos
  8. Pecados Mortais: A Mira de Nêmesis - Prólogo
  9. Pecados Mortais: A Mira de Nêmesis - Glossário
  10. Pecados Mortais: A Mira de Nêmesis - 7
  11. Pecados Mortais: A Mira de Nêmesis - Glossário
  12. Pecados Mortais: A Mira de Nêmesis - 7
  13. Sete Crimes e Punições (conto) - Episódio Bônus
  14. Pecados Mortais: A Mira de Nêmesis - 7