FANDOM


WikiPolloImage
WikiArteImage
O Cardápio está Incompleto!
Este artigo ainda é inacabado. É alterado com frequência e nossa tradução pode se tornar ultrapassada mais rápido. Não se esqueça de retornar posteriormente.
RilianePossuída

Possessão era uma habilidade mágica onde o usuário poderia habitar e influenciar outro ser ou objeto. A técnica era comumente usada por usuários de magia de alto nível e por demônios.

Mecânica Editar

A possessão envolvia a capacidade do usuário habitar um ser ou objeto como um recipiente, permitindo que ele influencie ou manipule esse objeto até certo ponto. Ao possuir um ser vivo, como um humano, o usuário poderia tomar posse completa do corpo, controlando-o como se fosse o seu próprio corpo ao suprimir a consciência do possuído; enquanto possuía totalmente o corpo, o usuário também tinha acesso ao poder e habilidades mágicas do hospedeiro. O possuidor e o possuído conseguiam se comunicar telepaticamente.[1]

No caso da possessão demoníaca, o demônio poderia projetar uma extensão de si mesmo para fora do recipiente e penetrar na mente de um indivíduo,[2] influenciando o comportamento do hospedeiro humano com seu respectivo pecado. Da mesma forma, um demônio poderia forjar um contrato com seu hospedeiro através da posse, bem como conceder acesso a seus poderes ao contratante.[3] A habilidade do demônio era limitada a somente ser capaz de possuir humanos do Terceiro Período que tivessem compatibilidade suficiente com eles;[4] essa compatibilidade era determinada pelas vulnerabilidades ou inseguranças do hospedeiro em sua personalidade, correspondendo ao respectivo pecado do demônio.[5]

Apesar da capacidade particular de habitar um corpo ou objeto, a posse tinha várias fraquezas. Embora possuísse um corpo ou objeto, o usuário era forçado a permanecer dentro do recipiente até que o possuidor optasse por abandonar a posse ou o recipiente fosse destruído ou morto.[6] No caso dos demônios se projetarem, seu verdadeiro recipiente poderia ser selado ou destruído, fazendo com que o demônio abandonasse sua posse como resultado.[7] A consciência do hospedeiro também pode resistir a uma possessão completa e potencialmente recuperar o controle do corpo do possuidor.[8]

Uma possessão também poderia ser exorcizada para forçar a remoção do possuidor de um hospedeiro. Apesar disso, a possessão demoníaca poderia tornar os exorcismos ineficazes se estivesse profundamente enraizada na mente do ser, embora os efeitos pudessem ser revertidos com a Técnica Secreta dos Clockwork.[9] Fora os demônios, a posse era limitada a humanos capazes de executar técnicas mágicas de alto nível como a Técnica de Troca ou de tomar emprestado o poder de um demônio.[10]

Usuários Editar

Trívia Editar

Conceituação e Origem Editar

  • Possessão demoníaca é comum em muitas religiões e mídias, onde um demônio ou outra entidade malévola assume o controle do corpo de uma pessoa.

Referências Editar

  1. Pecados Mortais: A Loucura do Duque Venomania - Capítulo 1
  2. Entr'acte of Evil: A Filha do Mal Worldguide
  3. Pecados Mortais: A Loucura do Duque Venomania - Capítulo 1
  4. Pecados Mortais: Mestre do Paraíso Celestial - Capítulo 3
  5. Epic of Evil: Fanbook A Filha do Mal - Aftermath - Chartette
  6. Pecados Mortais: A Loucura do Duque Venomania - Capítulo 6
  7. A Filha do Mal: Wiegenlied of Green - Epílogo
  8. A Filha do Mal: Wiegenlied of Green - Capítulo 4, Seção 2
  9. A Filha do Mal: Wiegenlied of Green - Capítulo 1
  10. Pecados Mortais: Quinto, o Pierrô - Parte 2, Chapítulo 3